As Religiões manipulam as palavras "echad" e "yachid" : Religiões, Crenças & Teologia
Seja Bem-Vindo Testemunhas de Jeová - Ex Testemunhas de Jeová. Clique aqui e cadastre-se para participar


As Religiões manipulam as palavras "echad" e "yachid"

Espaço ideal para discussões sobre qualquer religião, crença e teologia.

As Religiões manipulam as palavras "echad" e "yachid"

Nova mensagempor Ademar de Morais em 12 Fev 2011 21:48

יחיד- yachid=único Estas são duas palavras hebraicas manipuladas pela teologia de igrejas a seu bel-prazer.אחד-echad=um
Sim, estas duas palavras têm sido e ainda são, uma teologia muito debatida. Os teologando mostram um quadro pintados por eles mesmos, nos quais estas duas palavras tem poderes de mudanças nos significados reais destas. Para os maus informados, as teses desses teólogos lhes caem como doce em suas mãos, não importa qual doce é, desde que seja "doce". Isto é, não se esforçam em adquirir a correta compreensão, sendo assim manobrados por raciocínios conflitantes com a verdade expressa. Para tais pessoas leigas, não importa se usa-se "garfo" ou "galfo", o que importa é a degustação. E os intelectos(teólogos) do saber se sentem "embaixadores da verdade", os donos da gramática. Meu foco é derrubar a visão desses teólogos que se dizem "conhecedores da verdade", por mostrar devidamente o equivalente correto das palavras hebraicas echad e yachid. A verdade quando exposta, muda uma vida interia, principalmente se esta vida fôr espiritual, cristã. Conforme diz o texto de João 17:3: "A vida eterna é esta: que absorvam conhecimento de ti, o único Deus verdadeiro, e daquele que enviaste, Jesus Cristo."
Assim, vinculado neste texto, trabalharei nas palavras hebraicas "echad" e "yachid", que tem séria participação neste texto. Veremos como estas palavras são diferentes das teses esboçadas pelos teólogos da cristandade. Descaradamente, sites apologéticos comparam Deus com "mobílias de jantar", com "conjunto de sons", etc. Sem escrúpulos algum, estes falsos sabedores tentam dar outro entendimento ou significado ao Shema da Bíblia: "Ouve, ó Israel, o Senhor nosso Deus, é um só Deus." - Deuteronômio 6:4.

Muitas pessoas, na ânsia de provar conceitos doutrinais que não se encontram existentes na Bíblia, inventam significados para palavras do idioma hebraico que não se harmonizam aos verdadeiros significados. Como é o caso da palavra hebraica אחד 'echad - um, que a teologia apologética insiste em argumentar que múltiplos elementos formam "um", para justificar que existe a indicação de uma "unidade composta" no texto de Devarim (Deuteronômio) 6:4 que diz: שמע ישראל הי אלקינו הי אחד (Shemá Isra'el'Ad-nai 'Eloqeinu 'Ad-nai'Echad){Ouve Israel, Ad-nai é nosso D-us, Ad-nai é UM.
A palavra "echad" em hebraico significa apenas "um", tal qual no português. Quando contamos de um a dez no hebraico de forma masculina, dizemos: "echad, shnayim, shelosha, arba'a, chamisha, shisha, shiv'a, shmona, tish'a, assara". Em portugues "um" é um, não tem modificados, se acrescentar algo mais, deixa de ser "um", logicamnete, dois ou três, etc.
Como pode haver "unidade composta" no número "um" ? Então vemos que existe algo errado e para isso, vamos considerar vários exemplos bíblicos:
ויהי ארב ויהי בוקר יום אחד
vayhi 'erev vayhi voqer yom echad
"E foi tarde, e foi manhã, um dia" - Bere'shit (Gênesis) 1.5b
A clareza vista é que a palavra "echad" aqui não significa "unidade composta", está se referindo "a um dia", e na palavra "dia" não há unidade composta. Vamos para mais um exemplo bíblico:
ויומר אלקים יקוו המים מתחת השמים אל מקום אחד
Vayomer 'Eloqim yqavu hamaim mitachat hashamaim 'el maqom echad
"E disse D-us: Ajuntem-se as águas que estão debaixo dos céus num só lugar..." Bere'shit (Gênesis) 1.9
Novamente vemos a palavra "echad" no texto bíblico original em hebraico e novamente, mais uma vez não vemos nenhuma "unidade composta", contrário a uma unidade composta, podemos ver na versão Almeida a correta tradução usada, traduziu "echad" como "um só", dessa forma tirando qualquer dúvida sobre o verdadeiro significado da palavra "echad".
Além da palavra hebraica echad, existe outra palavra hebraica que os sites apologéticos também gostam muito de mudar o significado, é a palavra יחיד - yachid - "único", que eles atribuem o significado de "unidade absoluta", declarando que se Deus quisesse dizer que era "um só", ele teria usado yachid em Deuteronômio 6:4 ao invés de "echad". Na verdade, os sites apologéticos despercebem o uso comum das palavras "echad" e "yachid". Vejamos então o uso comum destas palavras juntas em um mesmo texto bíblico:
ויהי איש אחד שהיה לו בן יחיד
Vayhi 'ish 'echad shehayah lo ben yachid
"havia um homem que tinha um único filho"

Esta frase mostra claramente a diferênça entre "echad" e "yachid", mas não da forma exposta pelos "inventores apologéticos" ensinam (unidade composta e unidade absoluta), ao contrário, assim como existe a diferênça no português entre "um" e "único", enquanto que o primeiro é "número", o segundo é "adjetivo". Assim, vê-se claramente que o argumento de "unidade composta" e "unidade absoluta" é enganosa, enganam aqueles que não tem conhecimento de hebraico. Nada pode ficar duvidoso e para isso, segue-se o significado de cada palavra:
אחד- 'echad - um - número
יחיד - yachid - único - adjetivo
יחד- yachad - unido - adjetivo
יחידה- yechidah - unidade - substantivo
Particularmente nunca absorvi o conceito de "unidade composta", e creio que este estudo é luz para os estudiosos sinceros do hebraico.

FONTE: http://toratyeshua.blogspot.com/2007/12/echad.html


Como sempre acontece, muitos se intitulam mestres ou professores do hebraico, e como quem tem um olho em terra de cego é rei, fica a prática do erro como certo.
Vou ampliar mais a realidade de echad para uma melhor compreensão.
A unidade composta dos apologéticos verdadeiramente é um dilema. Na verdade, os leitores judaicos ficariam estremecidos com tal argumento falível com respeito a Deus. Estou mais que certo que para alguns, eles ficariam desorientados com tal lástima. Tente imaginar a reação de espanto de um judeu (que tem seu monoteísmo intacto) ao descobrir, ou ler um site desses que altera o credo nacional deles " "Ouve, Israel, A-do-nai é nosso D'us, A-do-nai é Um" (em hebraico, echad) para provar a doutrina da Trindade. Com certeza, os crentes na Trindade usarão cegamente este versículo para apoiarem crenças em uma natureza triuna de Deus. Mas examinemos mais cuidadosamente este argumento.

Para apoiar esta afirmação de que há múltiplas pessoas dentro do deus, os missionários insistem que a palavra hebraica "echad" (um) ao final de Devarim [Deuteronômio] 6:4 não significa um UM absoluto, mas ao contrário, pode apenas significar uma unidade composta, ou muitas coisas em uma. Citarão freqüentemente dois versículos para apoiar esta alegação.
O primeiro deles é Números 13: 23, que diz: ""Então eles foram ao Vale de Eshcol, e cortaram um galho com um (echad) cacho de uvas; carregaram-no entre dois deles, numa vara. Levaram também alguns dos figos e das romãs."
O segundo é Gênesis 1:5 :""... e houve a noite e houve a manhã, um (echad) dia."
Dentre estes dois textos, confirmam os apologéticos, fica claro que a palavra hebraica "echad" pode apenas significar uma fusão de várias coisas em uma. Embora esta tentativa de prova é totalmente falha, para os leigos do idioma hebraico, este argumento apologético pode ser bem intrigante. Assim, quando lhes dizem que a palavra echad funciona da mesma maneira que a palavra "um" em portugues, e se lhes citam exemplos tais como: Em português, pode-se dizer: "estas quatro cadeiras e a mesa formam uma mobília de jantar," ou então: "Há um centavo em minha mão." Desses dois exemplos, é fácil ver como a palavra "um" pode significar várias coisas em uma, como é o caso da mobília, ou apenas uma, no caso do centavo.
Embaraçante! Como se pode afirmar que uma mobília de jantar com quatro cadeiras e uma mesa é a mesma coisa de uma moeda na mão? E como se pode absorver que uma mesa e quatro cadeiras é uma só? Neste quadro, será que se poderia colocar os pratos nas cadeiras e se sentar na mesa? Afinal, não transformou elas em unidade composta? Devo lembrar de que, segundo a teologia apologética, a mesa e as cadeiras se tornam uma só!
Citar que um (echad)conjunto de coisas se fundiram pela unidade composta e se tornam "um só" é falha. Podemos formar um conjunto usando cadeiras, mesa, toalhas e é claro, os talhéres. Mas, será que todos eles se transformaram todos em um só, as cadeiras em mesa, juntamente com os talhéres e as toalhas? Não. Cada um permaneceu o que sempre foi. É interessante que, eu poderia usar um conjunto celestial formado por "Deus", "Jesus Cristo" e os "Anjos" e querer aplicar echad a eles. Mas eu poderia dizer que por ter usado echad neste conjunto, os anjos também eram Deus? Não. Cada sujeito continuou sendo um distintamente um do outro. Da mesma forma, num conjunto de som, o toca discos não pode reproduzir vídeo, nem o vídeo pode executar discos de vinís! Onde então está a alegada transformação causada pela suposta unidade composta? Isto é um devio da verdade. As religiões jamais oferecerão exemplos bíblicos onde a palavra "echad" signifique "somente um." Assim, apenas apresentando versículos das Escrituras como Gênesis 1:5 e Números 23:13, isso cria para o novato a ilusão de que a palavra "echad" é de alguma forma sinônimo de uma unidade composta. Nada, é claro, poderia estar mais longe da verdade.
Veja esta verdade: "Pela boca de duas testemunhas, ou três testemunhas, aquele que merece a morte deve ser posto à morte; mas pela boca de uma (echad) testemunha, ele não deve ser posto à morte."
Ou Eclesiastes 4: 8 :"Há apenas um (echad), sem uma companhia; sim, ele nem tem filho..."
Nestes dois versículos expostos acima a mesma palavra hebraica foi usada, e a palavra "echad" está nitidamente referindo-se a apenas um, não a uma unidade composta. Como é visto, se a palavra hebraica "echad" pode significar tanto uma unidade composta como apenas a unidade, como se pode dizer qual é a definição válida quando estudamos um versículo? A resposta é obviamente da mesma maneira que a palavra "um" é entendida em portugues, ou seja,pelo contexto.
"Quatro cadeiras e uma mesa fazem uma mobília de jantar" é uma unidade composta, e "Ouve, ó Israel, o Senhor nosso Deus, é um" é puro monoteísmo. A questão do Shema não é nova. Será que deve-se chamar a Deus de "echad", palavra que pode ser erroneamente interpretada como uma unidade composta? Seria um risco usá-la, pois afinal, o segundo mandamento da Lei é claríssimo ao proibir terminantemente qualquer forma de idolatria.
Chassidut e Cabalá dão uma explicação mais profunda do assunto. Claro que D'us não pode ser chamado por "echad" (que pode significar uma unidade composta), e somente poderia ser chamado por "yachid" (que significa único absoluto). Porém neste caso do versículo "Shemá Yisrael, A-do-nai E-lo-hê-nu, A-do-nai Echad" a palavra "echad" é proposital: Ao proferir o Shemá estamos dizendo que não somente D'us é único (yachid) mas que também não há outra coisa além do um, pois todas as criaturas do universo não estão separadas d'Ele, mas estão anuladas perante Ele.
Esta idéias está explícita na palavra "echad", que em hebraico é formada por três letras: alef, chet, dalet. a primeira letra, alef, com valor numérico 1, diz respeito ao D'us Único; a segunda, chet, com valor numérico 8, significa que Ele tem soberania absoluta sobre os Sete Céus e a Terra; a terceira, dalet, com valor numérico 4, lembra que Ele também domina os quatro pontos cardeais.
Sendo assim, devemos dar ênfase especial na última palavra do Shemá, refletir sobre seu significado, e perceber como toda a criação está anulada perante este Um Único.

FONTE: http://www.chabad.org.br/interativo/FAQ/shema.html
Editado pela última vez por Poltergeist em 12 Fev 2011 23:42, no total de 2 vez
Razão: Inclusão da fonte [Observe as regras do fórum]
Ademar de Morais
Forista
Forista
 
Mensagens: 365
Data de registro: 12 Fev 2011 19:28
Localização: Araraquara- SP

Re: As Religiões manipulam as palavras "echad" e "yachid"

Nova mensagempor Parksouth em 12 Fev 2011 23:01

Olá Ademar, vc é judeu, estuda o idioma e as Escrituras hebraicas? Ou apenas copiou e colou o texto de outra pessoa? Nada contra, apenas para saber a fonte do estudo.
Parksouth
Forista
Forista
 
Mensagens: 860
Data de registro: 01 Fev 2011 18:55
Localização: São Paulo

Re: As Religiões manipulam as palavras "echad" e "yachid"

Nova mensagempor Pássaro em 12 Fev 2011 23:09

Pois é Ademar, coloque a fonte!Gostei dessa argumentação!
O barco da torre tá afundando?
Avatar de usuário
Pássaro
Forista
Forista
 
Mensagens: 9935
Data de registro: 01 Nov 2008 07:45
Localização: bahia

Re: As Religiões manipulam as palavras "echad" e "yachid"

Nova mensagempor Poltergeist em 12 Fev 2011 23:46

Olá Ademar, seja bem-vindo!

Gostaríamos que você se apresentasse, abrindo um tópico para isto.

Em observação às Regras do Fórum, sempre cite as fontes dos textos de terceiros

Abraços
A mentira teme a verdade. Afinal, você já viu "apóstatas" desassociando uma Testemunha de Jeová?

Procurando um assunto específico? Visite o Índice do Fórum: viewtopic.php?f=2&t=3230
Avatar de usuário
Poltergeist
Moderador
Moderador
 
Mensagens: 7771
Data de registro: 26 Fev 2009 16:57
Localidade: São Paulo

Re: As Religiões manipulam as palavras "echad" e "yachid"

Nova mensagempor Diego Rutherford em 13 Fev 2011 07:07

Ademar46 escreveu:י... Descaradamente, sites apologéticos comparam Deus com "mobílias de jantar", com "conjunto de sons", etc. Sem escrúpulos algum, estes falsos sabedores tentam dar outro entendimento ou significado ao Shema da Bíblia: "Ouve, ó Israel, o Senhor nosso Deus, é um só Deus." - Deuteronômio 6:4....


Realmente é rebaixar a dignidade divina comparar Deus a um aparelho de som (3 em 1) para ilustrar a Trindade, de modo que seja compreendida.

Nada disso é necessário. Não é preciso nenhum estudo miravolante para entender que Deus são 3 Pessoas...
A própria Shemá diz claramente: "O Senhor nosso Deus é um só Deus!" - de posse deste texto me explique todas as passagens bíblicas que chamam a Jesus de Deus, Senhor, etc...
Se ler as Escrituras com oração e humildade, você chegará a uma conclusão muito óbvia: ou a Trindade existe, ou então na vida de um cristão existem no mínimo dois deuses: um menor (Jesus) e um maior (Jeová) - então não seria um só Deus, mas dois. Isto contraria 1 Corintios 8.5 ("para nós há um só Deus").
As Testemunhas de Jeová desprezam João cap. 1, aliás tentou a Torre de Vigia fazer um grande estrago na tradução deste texto...
João 1 perderia todo o seu sentido se eu concluir por ele que Jesus não é Deus. Não haveria sentido João dizer: "No princípío era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus!" - quem autorizou a dizer que o Deus da terceira sentença não é o mesmo da segunda sentença..???? quem autorizou colocar um colcehtes "[um] deus"???
O problema das TJs e de grande maiorira, senão maioria, de "arianos" é despender de muita energia discutindo Deus, e não de fato vivendo Deus.
Negar a TRindade durante 18 anos de TJ não me contribuiu em absolutamente nada para minha espiritualidade, minha consagração a Deus, meu amor, minha experiência cristã...
E o que acontece? as TJs e outros arianos acabam falando e pregando mais sobre a Trindade do que as Igrejas "da Cristandade"... Eu posso assegurar a vocês que na Igreja Batista raramente, mas muito raramente se fala em Trindade... há mais de um ano voltei e até hoje não ouvi um sermão sequer sobre Trindade, e se esta palavra foi pronunciada 2 vezes foi muito neste período...
Imagem
"Todos somos igualmente sacerdotes!" (Martinho Lutero)

Tem texto novo no meu blog:
http://proclamadordaliberdade.blogspot.com/
Avatar de usuário
Diego Rutherford
Forista
Forista
 
Mensagens: 3031
Data de registro: 03 Nov 2008 08:17
Localização: Duque de Caxias - RJ

Re: As Religiões manipulam as palavras "echad" e "yachid"

Nova mensagempor TJ Curioso em 13 Fev 2011 10:37

Realmente o uso destas duas palavras hebraicas para tentar provar a Trindade é até mesmo criticada por alguns eruditos trinitários.

Notem o que admite Gregory Boyd, professor de teologia e trinitarista: "Even weaker [than the argument for Elohim] is the argument that the Hebrew word for "one" (echad) used in the Shema...refers to a unified one, not an absolute one. Hence some Trinitarians have argued, the Old Testament has a view of a united Godhead. It is, of course, true that the meaning of the word may in some contexts denote a unified plurality (eg Gen. 2:24, they shall become one flesh). But this really proves nothing. An examination of the Old Testament usage reveals that the word echad is as capable of various meanings as our English word one. The context must determine whether a numerical or unified singularity is intended." Oneness Pentecostals and the Trinity, 47, 48
http://questaodosangue.blogspot.com
Avatar de usuário
TJ Curioso
Forista
Forista
 
Mensagens: 1342
Data de registro: 15 Nov 2008 17:03

Re: As Religiões manipulam as palavras "echad" e "yachid"

Nova mensagempor TJ Curioso em 13 Fev 2011 10:54

Se ler as Escrituras com oração e humildade, você chegará a uma conclusão muito óbvia: ou a Trindade existe, ou então na vida de um cristão existem no mínimo dois deuses: um menor (Jesus) e um maior (Jeová) - então não seria um só Deus, mas dois. Isto contraria 1 Corintios 8.5 ("para nós há um só Deus").


Diego, falta mencionar que para Paulo, APENAS o Pai de Jesus era encarado como a Divindade superlativa, aquele a quem os judeus e os cristãos deveriam adorar. Jesus como Filho de Deus, estava num lugar de destaque acima de todos os demais, mas ainda assim, não deveria ser objecto de adoração, mas sim o meio pelo qual o seu Deus e Pai deveria ser glorificado.

As Testemunhas de Jeová desprezam João cap. 1, aliás tentou a Torre de Vigia fazer um grande estrago na tradução deste texto...
João 1 perderia todo o seu sentido se eu concluir por ele que Jesus não é Deus. Não haveria sentido João dizer: "No princípío era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus!" - quem autorizou a dizer que o Deus da terceira sentença não é o mesmo da segunda sentença..???? quem autorizou colocar um colcehtes "[um] deus"???


Não digo que não existisse outra forma de verter este texto sem introduzir o artigo indefinido "um". Por exemplo, como algumas traduções vertem poderia ser vertido "e o verbo era divino" ou "e o verbo era da semelhança de Deus", que no fundo era o que João subentendia nesta passagem.

Em lado nenhum, no NT, você consegue de forma explicita e clara mostrar que Jesus faz parte daquilo que nós hoje em dia designamos como DEUS. Aliás, seria muito estranho, Jesus não informar os seus discípulos de forma clara e inequívoca que o ensino que possuiam sobre Deus ser uma só pessoa era incompleto e que a partir daquele momento deveria reconhecer DEUS como uma pluralidade de pessoas. E sem dúvida, como parte da mensagem sobre Cristo, eles teriam pregado isso também.

Ao invés disso, logo após o derramamento do espírito santo em Pentecostes, leia o discurso de Pedro e a forma como ele se refere a Deus e a Jesus e veja se existe algum indício dessa doutrina ou é exatamente ao contrário.

Após esse evento e nas subsequentes cartas, vemos vez após vez, Jesus ser falado como o Filho de Deus, como continuando a estar subordinado a DEUS (não diz apenas PAI). Vemos por diversas vezes, Jeová ser chamado de "DEUS E PAI DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO".

Reconheço que a Torre erra ao retirar de Jesus a importância que as Igrejas protestantes atribuem a Jesus, mas ir além do que dizem as Escrituras Sagradas e atribuir a Jesus MAIS do que elas explicitamente nos dizem, é igualmente grave. Trata-se de adorar a criatura ao invés do criador.
http://questaodosangue.blogspot.com
Avatar de usuário
TJ Curioso
Forista
Forista
 
Mensagens: 1342
Data de registro: 15 Nov 2008 17:03

Re: As Religiões manipulam as palavras "echad" e "yachid"

Nova mensagempor Diego Rutherford em 13 Fev 2011 13:58

TJ Curioso escreveu:Diego, falta mencionar que para Paulo, APENAS o Pai de Jesus era encarado como a Divindade superlativa, ....


"Divindade superlativa" !!!???

É isso que concluí, quando você rejeita a idéia da Trindade, você, como cristão, é orbigado a aceitar 2 deuses na sua vida - Um maior e um menor - essa situação ao meu ver é muito mais complicada para o monoteísmo cristão do que a Trindade.
Imagem
"Todos somos igualmente sacerdotes!" (Martinho Lutero)

Tem texto novo no meu blog:
http://proclamadordaliberdade.blogspot.com/
Avatar de usuário
Diego Rutherford
Forista
Forista
 
Mensagens: 3031
Data de registro: 03 Nov 2008 08:17
Localização: Duque de Caxias - RJ

Re: As Religiões manipulam as palavras "echad" e "yachid"

Nova mensagempor Diego Rutherford em 13 Fev 2011 14:04

TJ Curioso escreveu:...Em lado nenhum, no NT, você consegue de forma explicita e clara mostrar que Jesus faz parte daquilo que nós hoje em dia designamos como DEUS. .....


O que hoje em dia "nós designamos como Deus" ???!! por favor pode explicar TJ Curioso?
O Novo Testamento está repleto de passagens nas quais Jesus tem atributos de O Deus, e nas quais ele é chamado de Deus e de Verdadeiro Deus.
Está também o NT repleto de passagens que colocam Jesus numa posição inferior ao Pai, mas é lógico! em todas estas ele na forma humana - e isso em muito lhe foi aflitivo, ao ponto de ele ter dito ao Pai: "manifesta a glória, que eu tinha contigo no princípio". Jesus, humano, deixou a glória que tinha com o Pai, ,logicamente ele se colocou em posição inferior ao Pai nesta condição...
Imagem
"Todos somos igualmente sacerdotes!" (Martinho Lutero)

Tem texto novo no meu blog:
http://proclamadordaliberdade.blogspot.com/
Avatar de usuário
Diego Rutherford
Forista
Forista
 
Mensagens: 3031
Data de registro: 03 Nov 2008 08:17
Localização: Duque de Caxias - RJ

Re: As Religiões manipulam as palavras "echad" e "yachid"

Nova mensagempor TJ Curioso em 13 Fev 2011 16:26

Diego Rutherford escreveu:É isso que concluí, quando você rejeita a idéia da Trindade, você, como cristão, é orbigado a aceitar 2 deuses na sua vida - Um maior e um menor - essa situação ao meu ver é muito mais complicada para o monoteísmo cristão do que a Trindade.[/color]


A Bíblia não me obriga a aceitar 2 deuses na minha vida. Foi o Nosso Senhor Jesus Cristo que nos disse quem deveríamos identificar como DEUS na nossa vida - leia João 17:3.

Com respeito a reconhecer mais do que um deus, na realidade a concepção da trindade, concebe apenas um DEUS composto de 3 pessoas. Isso para além de ser anti-bíblico, é algo bem pior do que reconhecer que a Bíblia apresenta criaturas humanas e angélicas, com a designação de deuses, sem isso macular o único DEUS que deve ser adorado.
http://questaodosangue.blogspot.com
Avatar de usuário
TJ Curioso
Forista
Forista
 
Mensagens: 1342
Data de registro: 15 Nov 2008 17:03

Próximo

Retornar para Religiões, Crenças & Teologia

Quem está online

Usuários vendo este fórum: Alexei Karamazov, LibertoRJ e 30 visitantes